09/01/2016

Li Ching-Yuen - morre com 256 anos

  


 Morre chinês mais velho do mundo. O homem simplesmente tinha mais de 2 séculos.
No território da China morre chinês mais velho do mundo, nada mais nada menos que Li Ching-Yuen, que teve mais de 20 esposas e quase 200 filhos. De acordo com este cidadão especialista na área herbalista, seu grande segredo para viver tanto sem dúvidas foi a qualidade da alimentação.Centelha asiática, ginseng e arroz formavam a grande base alimentar do chinês. Li Ching também era perito em artes marciais e praticante de TAO. Há quem diga que este homem apenas conseguiu tamanha façanha graças às dezenas de anos que passou meditando nas montanhas tibetanas.
 O mestre também era perito em respiração, ao ponto de manter meditação perfeita por horas ou dias. Quando ficava doente somente recebia tratamento via ervas medicinais.
   Amigos e discípulos indicam que outro dos grandes segredos dele foi realizar exercícios físicos todos os dias, pelo menos até 120 anos de idade.
   Por volta da década de 1920 o General Yang, do Exército Revolucionário da China, indicou nos seus escritos que conviveu parte de sua vida com o histórico Ching, momento no qual descreveu o ancião com uma aparência perfeita e pele firme capaz de gerar inveja aos “garotos” de 50 anos